O novo caminho para o sucesso.

Conheça as 9 práticas financeiras exemplares para empregar em sua empresa

É impossível falar em sucesso empresarial sem mencionar a rigorosa gestão financeira. Por conta disso, é de extrema importância que o gestor esteja atento a todas as tecnologias e processos que podem facilitar este importante processo.

Evite o desencaixe financeiro

O desencaixe financeiro ocorre quando há um descompasso entre os ingressos de recursos financeiros e suas saídas, resultando num período em que as disponibilidades financeiras se tornam insuficientes para quitar os compromissos que vencem nesse intervalo.

Quando isso ocorre, normalmente a empresa acaba pagando caro, pois passa a atrasar impostos, a desonrar pagamentos de fornecedores estratégicos ou a consumir crédito no cheque especial a quase 400% de juros ao ano.

Renegociar vencimentos com fornecedores (postergando-os) e com clientes (antecipando-os) costuma ajudar bastante a reduzir esse problema.

Invista em marketing

As despesas em marketing são investimentos com objetivo de se conquistar mais cliente e, consequentemente, incrementar as receitas.

Atenção aos recursos humanos empregados

A contratação de funcionários costuma ser um dos gastos que mais consomem recursos financeiros nas empresas, por isso deve ser controlada bem de perto.

É importante, nesse aspecto, entender com precisão o número de horas trabalhadas por seus funcionários para a produção e venda de seus produtos ou para a sua prestação de seus serviços, de maneira a dimensionar seu quadro de funcionários operacionais para o mínimo necessário.

Já para outras funções, como as administrativas, o ideal é terceirizar sua execução com empresas especializadas, como por exemplo o seu departamento financeiro.

Provisione de verdade

A boa técnica contábil exige que sejam provisionados mensalmente valores em função do 13º salário e das férias dos funcionários, além do próprio imposto de renda.

Provisões são reservas de valores para fazer face a gastos futuros considerados praticamente certos.

Contudo, esse tipo de provisão não ocorre efetivamente na gestão financeiras das empresas, mas apenas em suas demonstrações contábeis.

O ideal é que a empresa constitua reservas financeiras para não serem surpreendidas quando desses e quando de outros gastos eventuais cuja ocorrência costuma ser danosa, tal como dispensa de funcionários sem justa causa.

Recomenda-se, assim, que a empresa faça uma boa estimativa de seus gastos futuros e promova uma equivalente reserva numa aplicação financeira bem escolhida.

Invista em tecnologia

A tecnologia tem sido utilizada pelas empresas (por seus concorrentes, inclusive) para redução de custo com pessoal e para ganho de produtividade, mediante substituição de pessoas por processamentos automáticos em etapas repetitivas ou customizáveis.

Conceitos como RPA (robotic process automation) tem se disseminado rapidamente nos dias atuais e estão ao alcance de todos. É o tipo de investimento que se faz em um dado momento para gerar economia na execução dos processos por muitos anos.

Nunca ignore os impostos em sua precificação

Uma empresa precisa ser lucrativa e pagar seus impostos. Para que isso ocorra é absolutamente necessário que no ato da precificação de produtos, mercadorias e serviços os impostos incidentes sejam adequadamente considerados.

Dessa feita, é importante se valer de uma consultoria especializada em impostos para efetuar de maneira precisa sua precificação.

 

Fonte: Jornal Contábil
Publicado em 06/11/2019