O novo caminho para o sucesso.

Saiba como preparar a sua empresa para a Lei Geral de Proteção de Dados

Em outubro de 2020 os empresários brasileiros enfrentarão uma nova mudança: a implementação da Lei Geral de Proteção de Dados-LGPD. A partir deste período as empresas serão as responsáveis em cuidar e zelar pelos dados das pessoas, e de informar e rastrear o destino destes dados. Além de também compartilhar essas informações com fornecedores de forma responsável, caso necessário.

Por conta disso diversos empreendimentos já estão preocupados em se manter alinhados, principalmente aqueles que exportam serviços, uma vez que a GDPR (lei de proteção de dados Europeia) é ainda mais rígida.

Enquanto a LGPD tem como penalidade advertências, multas de 2% do faturamento global, a GDPR multa em 20 milhões de euros ou 4% do faturamento global (o que for maior). Na Europa, as empresas são obrigadas a possuir política de proteção de dados na área de compliance e ouvidoria.

LGPD como implementar

A nova regulamentação da LGPD força empresas a investirem em tecnologia, já que com plataformas já adaptadas às regras, a segurança fica ainda maior.

Gestores conscientes deste movimento estão se valendo desta onda para automatizar e digitalizar as suas empresas. A proatividade de implementação de processos contínuos de ouvidoria e compliance garantirá o cuidado do dia a dia e, consequentemente, maior adequação à Lei.

 

Fonte: Portal Contábeis
Publicado em 23/01/2020