O novo caminho para o sucesso.

Pequenos negócios serão beneficiados com vale-cultura

A parceria assinada no ano passado pelo Sebrae e o até então Ministério da Cultura (MinC), hoje incorporado ao Ministério da Cidadania, prevê fomentar o mercado da economia criativa e para garantir essa iniciativa, possuí cinco frentes de trabalhos como, por exemplo, a gestão do conhecimento, os impactos econômicos, a gestão empresarial, a promoção de empreendimentos e do Vale-Cultura.

O programa de Cultura do Trabalhador (Vale-Cultura) tem o objetivo de garantir acesso e incentivo aos programas culturais brasileiros, fazendo que com um auxílio de R$50 reais, os funcionários das empresas participantes do projeto consigam a oportunidade de ir ao cinema, museus, espetáculos, teatros e shows.

A ideia é motivar também a participação dos pequenos negócios no programa. Para isso, o Sebrae irá implementar uma ação de divulgação direcionada às MPE. “Nossa ideia é que, por um lado, as pequenas empresas passem a fazer parte do Vale beneficiando os seus funcionários, mas também, que as MPE deste ramo também aceitem o Vale, assim, todos saem ganhando”, destacou o presidente do Sebrae, João Henrique Sousa.

Vale lembrar que o vale cultura pode ser utilizado em todos os estabelecimentos credenciados, além disso, pode ser utilizado na compra de instrumentos musicais ou programas culturais com um valor mais elevado, já que o crédito é cumulativo.

 

Fonte: Sebrae
Publicado em 07/02/2019